Elisabeth Stein

Estilo de Vida

O amor nunca se acaba


04/07/2016

A partir deste mês, estarei escrevendo para vocês leitores do #ECPM. Meu nome é Elizabeth Stein, sou natural de Belo Horizonte, casada, tenho dois filhos. Eu e minha família já nos tornamos pará-minenses, pois amamos esta cidade, que nos acolheu tão carinhosamente há 16 anos. Sou graduada em Engenharia Civil com ênfase em estradas e ferrovias, bacharela em Teologia e estou finalizando o curso de Psicanálise. Atuo também como pastora titular da Igreja Batista da Lagoinha em Pará de Minas, onde desenvolvemos projetos sociais enfatizando a consciência e o exercício da cidadania. Nesta edição, vou falar sobre o mês dos apaixonados, onde se comemora o dia dos namorados. Observando esta data, percebemos que os enamorados andam abraçadinhos, fazem juras de amor, se beijam, dão presentes e se alegram por terem encontrado a pessoa de seus sonhos. Mas o que acontece quando se casam? Por que não andam mais juntinhos? Por que não fazem mais juras de amor? Para onde foi aquele olhar romântico? Na palavra de Deus está escrito: O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal, não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor jamais acaba. O casamento passa por diversos percalços durante a vida para provar o amor do casal, e se é enfraquecido, ele se perde pelo caminho. Mas não precisa ser assim. O casamento pode e deve ser fortalecido à medida que haja uma consciência de que eles se casaram para serem felizes. Para isto é necessário o entendimento de que precisam ter a disposição: para servir, para compreender, para aprender a se doar, para perdoar. Precisam zelar pelo bem estar do outro, pela paz, pela harmonia e alegria do lar. Desta forma haverá uma cumplicidade que irá gerar uma satisfação além da imaginação. Uma realidade de que o amor é uma benção de Deus, um presente. Portanto, aproveite para avaliar o seu casamento. Refletir onde se pode e deve melhorar. Por que como está escrito na palavra de Deus: "O amor nunca se acaba.''

Publicidade Notícias - 1
Publicidade Notícias - 2
Publicidade Notícias - 3